Web Radio Cidade

Domingo, 14 de Julho de 2024

Geral

Quem era Cíntia Goldani, fisiculturista que morreu aos 37 anos

Cíntia Goldani faleceu na quarta-feira(26).

Web Rádio Cidade
Por Web Rádio Cidade
Quem era Cíntia Goldani, fisiculturista que morreu aos 37 anos
IMPRIMIR
Espaço utilizado para comunicação de erro nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

Morreu na quarta-feira (26), aos 37 anos, a fisiculturista Cíntia Goldani. De acordo com o viúvo da atleta, Gustavo Cesar, ela teve complicações após um caso de pneumonia bacteriana e não resistiu.

Cíntia competia na categoria Figure do fisiculturismo, que valoriza mais definição muscular com ênfase nos membros superiores e abdome. O próximo torneio do qual ela participaria seria o NPC Musclecontest Brazil, nos dias 20 e 21 de julho, um dos principais campeonatos da modalidade no país.

Além de competir, Cíntia também era treinadora de poses para fisiculturistas e prestava consultoria para o público geral, com planos de emagrecimento, hipertrofia, dietas e treinos personalizados para os clientes.

Gaúcha, a atleta torcia para o Grêmio e não escondia a paixão pelo clube nas redes sociais. Em um registro com o marido, vascaíno, ela falou sobre o amor pelo Tricolor.

“Um dia muito especial que visitamos a Arena [do Grêmio] e meu amor vascaíno passou a torcer também pro Grêmio. Obrigada por ser meu parceiro de vida e por tantos momentos incríveis!”, publicou Cíntia em seu Instagram.

Outra paixão na vida da fisiculturista eram os poemas. Cíntia Goldani, inclusive, escrevia e compartilhava os seus textos nas redes. O tema sobre o qual falava com maior frequência em seus poemas era o amor.

“A vida é uma eterna transição / Uma constante oscilação / Entre ser e estar / Há muita construção / Uma grande combinação / Que nos faz realmente ser”, escreveu a atleta em seu poema mais recente.

Viúvo se despede
Viúvo da fisiculturista Cíntia Goldani, Gustavo Cesar lamentou a morte da esposa e publicou nas redes sociais um texto no qual declara seu amor à atleta gaúcha.

“Eu te amo muito, e você merecia receber muito mais amor de mim, meu amor é verdadeiro igual o seu, mas aconteceram coisas na minha vida antes de você que me fizeram ter medo de me entregar por completo”, disse o também fisiculturista em um post no Instagram.

“Se pudesse resumir a Cíntia em 3 palavras seriam: PURO, AMOR, VERDADEIRO”, prosseguiu.

Foi por meio das redes sociais que Gustavo Cesar informou a causa da morte de Cíntia, que faleceu de pneumonia bacteriana, além de choque séptico e sepse pulmonar.

 

FONTE/CRÉDITOS: CNN
Comentários:
Web Rádio Cidade

Publicado por:

Web Rádio Cidade